Opções
  • Imprimir

    Imprimir
  • Favoritar

    Favoritar
  • Compartilhar

    Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter

ArcelorMittal Brasil inicia a integração com a Votorantim Siderurgia

Publicado em 03/04/2018

Acordo foi aprovado pelo Cade em fevereiro

 

A ArcelorMittal Brasil inicia hoje (2/04) a integração dos negócios do segmento de Aços Longos da Votorantim Siderurgia no Brasil. Com o closing (fechamento) da operação, ocorrido ontem (1º/04), as plantas industriais de Barra Mansa (RJ), Resende (RJ) e Três Lagoas (MS), além dos ativos da área florestal localizados em Minas Gerais, passam a fazer parte do grupo ArcelorMittal.

O negócio fortalecerá a ArcelorMittal Brasil no mercado nacional e permitirá a ampliação do seu portfólio de produtos e soluções. “Temos uma trajetória marcada por integrações e crescimento contínuo no Brasil e no mundo. Esta integração com a Votorantim Siderurgia é estratégica para nós, reforçando o papel do Brasil como importante vetor de crescimento do Grupo na América Latina. E isso nos orgulha muito, pois com a aquisição nos tornamos a maior produtora de aços longos do país. Ficamos mais competitivos num mercado que está muito desafiador. A transação é muito importante neste contexto”, explica Jefferson De Paula, CEO ArcelorMittal  Aços Longos Américas do Sul, Central e Caribe.

A partir do fechamento do negócio, a empresa poderá conhecer melhor as sinergias logísticas industriais e operacionais das novas plantas e analisar em profundidade as oportunidades de eficiência em geral. A integração ocorrerá aos poucos, envolvendo empregados, fornecedores, comunidades e demais públicos de relacionamento da empresa. “É importante ressaltar que mantemos um diálogo efetivo e com transparência com os diversos stakeholders. Onde quer que atuemos, temos uma política clara de responsabilidade corporativa e desenvolvemos ações com as comunidades”, reforça Jefferson De Paula.

Com a integração, o segmento de Aços Longos da ArcelorMittal Brasil terá capacidade total de aproximadamente 5 milhões toneladas por ano, tornando-se a maior produtora de Aços Longos do Brasil. O mix de produtos das unidades adquiridas é compreendido essencialmente por vergalhão, fio-máquina, produtos transformados para a construção civil, perfis leves e médios. No Brasil, a empresa possui operações de Aços Longos, Aços Planos e Mineração, com capacidade de produzir em torno de 12,5 milhões de toneladas de aço bruto e 7,1 milhões de toneladas de minério de ferro por ano.